Núcleo de apoio Judicial vai acelerar processos da saúde pública

Nesta segunda-feira, 09 de setembro, foi assinado o termo de cooperação entre o Poder Judiciário de Mato Grosso e o Governo do Estado para instituir o Núcleo de Apoio Judicial (NAJ).  Para alinhar subsídios técnicos que vão acelerar e padronizar as demandas relativas à  saúde pública, ou seja reduzir a judicialização.

O presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Carlos Alberto Alves da Rocha afirma que a ação tem objetivo de zelar da saúde do cidadão.
Sonora pres. des. Carlos Alberto Alves da Rocha

O Governador Mauro Mendes disse que a integração dos Poderes representa melhorias das políticas públicas.
Sonora Governador Mauro Mendes

Durante a reunião, o desembargador Carlos Alberto Alves da Rocha anunciou que o juiz José Luiz Lindot, foi o convidado para comandar a Vara Especializada em Saúde Pública. 

E o magistrado assegurou vantagens com as ações centralizadas .
Sonora juiz José Luiz Lindot

Dados do Departamento de Aprimoramento da Primeira Instância apontam quase 6 mil processos relativos a saúde pública tramitando nas 79 comarcas de Mato Grosso.

Da Estação TJ, Elaine Coimbra